Remoção de favelas na região da Ponte Estaiada

As últimas 46 famílias que restam na favela do Jardim Edite têm de deixar até o final do mês o local espremido entre a muralha de prédios modernos e a ponte estaiada, novo cartão postal monumental de São Paulo. Os barracos de madeira e as casas de alvenaria torta estão em processo de demolição em meio ao cenário “globalizado” que marca a paisagem da região.
“A ponte foi criada como chamariz para o mercado imobiliário, por seu caráter espetacular, afinal, não precisaria daquela estrutura toda para a transposição do rio tão estreito. É para criar uma marca de distinção. Por isso, era importante para a prefeitura e as empresas tirar a favela dali”, analisa a urbanista Mariana Fix, que estudou essa região entre os bairros do Itaim Bibi e o Brooklin, escolhida para albergar a chamada “nova economia” no país.

ponte1
Os fios das ligações elétricas clandestinas se confundem com a vizinha ponte estaiada

Agora vamos refletir, será que é realmente correto “esconder” as favelas e a pobreza brasileira dos olhos das classes mais privilegiadas e de turistas estrangeiros ??

Até quando vamos fechar os olhos para estas pessoas necessitadas e ao invés de fazer algo concreto para mudar sua precária situação de vida simplesmente as empurrar para outro lugar onde não estarão incomodando a vista da elite social.

A remoção da favela Jardim Edite da área nobre na qual estava situada não condiz com a realidade social brasileira, extremamente desigual, aquela área era um verdade retrato do Brasil,um pais no qual enquanto se gasta milhões de reais em uma obra há pessoas vivendo em plena miséria e sem as mínimas condições humanas de  saúde e moradia.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: